top of page
  • Foto do escritorJornal do Juvevê

The Dionísios.


Esta quem soprou foi o Vina.(Não confundir com o Salsicha)

Em 1965 formou-se a banda roquista com letras que hoje não teriam tanto sentido, mas que naqueles anos rebeldes provocaram além da conta.

Apesar das drogas pesadas, das letras pesadas e do teclado pesado explodiram e vendem muito até hoje.

Em 1991 o polêmico cineasta Oliver Stone produziu uma cinebiografia no mesmo estilo da banda. A intenção é provocar, polemizar, chocar.

Lá pelos 17 minutos da película segue o diálogo entre Jim e Ray:

- Eu vejo tudo Ray como uma cena Dionisíaca.

Mais à frente:

- Quando Dionísio chegou na Grécia virou a cabeça das mulheres e elas abandonaram suas casas para dançar nas montanhas.

- Podemos nos chamar Dionísios.

- Eu já tenho um nome, The Doors.

Não sei qual é a desse Dionísio, (eu estou falando do Deus, não de você Dio) mas o cara só me aparece no meio da fuzarca.

Pra Jovem Dionísio não sei... Jovens The Doors... não combina. E se o The Doors fosse The Dionísios, Jovem Dionísio também não me pareceria uma boa. Acho eu...


Watson


26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Bêbados

bottom of page