top of page
  • Foto do escritorJornal do Juvevê

Fala Curitiba Móvel tem mais 39 pontos de votação na próxima semana



Foto: Luiz Costa/SMCS


Na próxima semana, a população terá 39 pontos na cidade para participar da consulta pública do Fala Curitiba 2023. O programa, que entra em sua sétima edição, também pode ter o formulário respondido pela internet, pelo site fala.curitiba.pr.gov.br.


A edição deste ano traz, entre as novidades, mais consultas do Fala Curitiba Móvel (as equipes que vão aos bairros ouvir a população) e ainda ações exclusivas das secretarias.


A Secretaria Municipal da Defesa Social, a FAS e a Urbs promovem ações com equipes do Instituto Municipal de Administração Pública (Imap), responsável pelo programa, na quarta-feira (15/3).


A diretora de Planejamento, Pesquisa e Inovação do Imap, Adriane Cristina dos Santos, conta que, apenas nos primeiros dias, já foram ouvidas mais de 3 mil pessoas, em 29 diferentes bairros da cidade - nas duas modalidades da consulta. “Nossa expectativa, com a ampliação dos pontos e as ações das secretarias, assim como com a utilização de tablets, é de que tenhamos recorde de participações”, diz Adriane.


Reuniões presenciais

A primeira etapa do Fala Curitiba 2023 fica disponível até o final de março e define a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). De abril a julho acontecem as consultas específicas para a Lei Orçamentária Anual (LOA), onde as prioridades devem ser detalhadas.


A melhor oportunidade de sugerir as melhorias para a comunidade acontecerá nas reuniões presenciais nos bairros - entre 15 de maio e 7 de junho - espaço onde as solicitações individuais ganham força e viram prioridades coletivas.


Na sequência, acontece a compilação de resultados e a votação final - presencial e on-line -, com a eleição de dez prioridades por regional.


Onde encontrar as equipes do Fala Curitiba:

QUINTA-FEIRA (16/3) Manhã REGIONAL MATRIZ Unidade de Saúde Capanema (Rua Manoel Martins de Abreu, 830 - Prado Velho)

Tarde REGIONAL MATRIZ Praça Tiradentes - Centro (em frente à Catedral Basílica)


Fonte: PMC

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page