top of page
  • Foto do escritorJornal do Juvevê

Bancada do NOVO lança edital para selecionar entidades que vão receber emendas

Seleção técnica, justa e transparente ajuda a destinar o dinheiro dos pagadores de impostos a projetos que efetivamente vão beneficiar os curitibanos que mais precisam


A Bancada do NOVO na Câmara de Curitiba, formada pelas vereadoras Amália Tortato e Indiara Barbosa, lançou nesta segunda-feira (15) o edital NOVO Cidadão, que seleciona entidades para receber as emendas que as duas parlamentares da capital têm direito a destinar.


A seleção técnica, justa e transparente permite que o dinheiro dos pagadores de impostos vá efetivamente para projetos focados em beneficiar os curitibanos que mais precisam. “Somente o Partido NOVO tem essa preocupação de destinar as emendas parlamentares seguindo critérios técnicos. O dinheiro dos cidadãos tem que ser usado de forma eficiente e focada em quem mais precisa. Isso faz toda a diferença”, afirma Indiara Barbosa.


Podem participar as organizações da sociedade civil que tiverem cadastro municipal que as permita receber recursos públicos. Também é permitido que CMEIs e escolas da rede pública municipal inscrevam seus projetos para receber as verbas. O prazo para o envio das propostas será de 15 de agosto a 30 de setembro. Mais detalhes podem ser obtidos no site www.novocidadao.org ou por e-mail no contato@novocidadao.org.


A novidade do edital do NOVO para 2022 é a criação de uma categoria para beneficiar entidades menores, que não têm estrutura e condições de competir pelos recursos com as maiores. Haverá um processo simplificado para os projetos que desejam obter verba de até R$ 30 mil.


“A gente sabe que, para os projetos menores, receber verbas de emendas parlamentares é de grande importância. Muitos projetos têm mais dificuldade para conseguir verbas, mesmo fazendo um trabalho de grande relevância na cidade. Nós queremos que esses projetos se inscrevam e participem do NOVO Cidadão, queremos garantir que as verbas cheguem até ações que façam a diferença em Curitiba”, destaca Amália Tortato.


A categoria para projetos que desejam verbas acima de R$ 30 mil segue inalterada, com as mesmas regras do ano passado. Em 2021, o NOVO Cidadão selecionou 17 projetos, distribuindo um total de R$ 1,279 milhão. As emendas são previstas no Orçamento do município e cada vereador tem direito de apontar os projetos que deseja financiar.


O edital do NOVO Cidadão aceitará projetos nas áreas de Educação Básica; Esporte; Cultura; Saúde de Crianças e Adolescentes; Empreendedorismo e Inovação; Capacitação e Geração de Empregos, e Fiscalização e Combate à Corrupção.


Fonte: gabinete das vereadoras Amália Tortato e Indiara Barbosa do Novo

18 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page