top of page
  • Foto do escritorJornal do Juvevê

A HORA (IN)CERTA


Não existe hora

para escrever um poema,

pois a cada minuto

surge um novo problema...


Não existe hora...

Ontem, amanhã, agora...

A vida continua brotando

dentro e fora.


Todos são poetas,

mas na maioria cegos:

não leem o que ocorre

ao redor do mundo

e dos egos...


(Igor Veiga / PERIGOR)

35 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page