top of page
  • Foto do escritorJornal do Juvevê

2022 – A retrospectiva 2021 à luz das mídias alternativas - .




Por: Ana Paula Cherobim - Professora Titular UFPR


Prometemos mostrar vários fatos importantes de 2021 que provavelmente você nem ficou sabendo. ... e começamos por aspectos econômicos.


A infraestrutura de transportes é elemento importante para facilitar a produção e o comércio em qualquer país, em especial, no Brasil com suas dimensões continentais.


Entre as muitas iniciativas de privatização no país, em abril de 2021 tivemos a Infraweek, quando 28 empreendimentos foram concedidos a iniciativa privada, entre eles cinco terminais portuários. As obras de infraestrutura continuaram com a entrega, em maio, das pontes do Rio Madeira e do Rio Parnaíba na BR 375. No modal ferroviário além da concessão de ferrovias[i], foi criado o programa Pró trilhos; no modal aéreo 22 aeroportos da Infraero foram arrematados pela inciativa privada. Leia um resumo de todas as ações e obras do Ministério da Infraestrutura no site do governo federal[ii]. Lembrando do nosso alerta quanto ao pessimismo da mídia tradicional, se você procurar por exemplo sobre o projeto de navegação de cabotagem BR do Mar, no segundo ou terceiro parágrafo das notícias aparecem “especialistas” criticando o veto aos benefícios fiscais para a indústria fornecedora de equipamentos para portos e terminais. E claro, o pessoal os “especialistas” em transporte rodoviário reclamando da diminuição das cargas. O conjunto da economia ganha com modos de transportes mais rápidos, mais baratos e com menor impacto ambiental.


O artigo é retrospectiva, mas a finalização da transposição do rio São Francisco, levando água ao nordeste, é uma noticia “de futuro”. Vamos escrever mais sobre isso.

Melhores condições de vida da população –


As políticas sociais normalmente têm impacto positivo na atividade econômica de curto prazo. Portanto, em julho, a prorrogação do Auxilio Emergencial por mais três meses e em dezembro a aprovação do Auxilio Brasil contribuem não apenas para melhorar as condições de vida da população mais carente, mas injetam recursos no setor de comércio e de serviços de cada localidade, em especial nas comunidades mais pobres. Da mesma forma a maior facilidade de acesso a tarifa social de energia e o auxilio gás concedido às famílias mais carentes também contribuem para aquecer a atividade econômica. Reforçando nossos comentários sobre a parcialidade da mídia tradicional, sugiro entrar em algum site de jornal tradicional e digitar “Auxilio Brasil” ; você vai ver notícias pontuais sobre dificuldades de saque ou calendários de retirada. Dificilmente encontrará algum “jornalista” analisando o impacto positivo desses recursos na vida das pessoas e na cadeia produtiva.

Viva o SUS

Os amigos de Nicolás Maduro, ditador da Venezuela; Raul Castro ex-presidente de Cuba; Alberto Fernandez, despachante da família Kirchner na Argentina adoram criticar o governo brasileiro, enaltecer a vacina e dar vivas ao SUS. A incoerência é total. Os países socialistas da América Latina estão cada vez mais pobres; a população ficou trancada em casa, muitas vezes proibidos de sair de suas cidades, as diferentes variantes do vírus chines continuam a destruir vidas nesses países e o índice de vacinação é baixíssimo. Por outro lado, o Ministério da Saúde brasileiro comprou mais de 220 bilhões de reais em doses de vacina[iii], incentivou a vacina brasileira produzida na Fiocruz, continua transferindo recursos para o SUS e para leitos COVID. Essa vacinação em massa diminuiu o medo da doença e várias atividades econômicas retornaram, até o turismo e o setor de eventos, os mais prejudicados, conseguiram retomar as atividades.


Infelizmente o comprovante de vacina[iv] e a exigência de teste negativo de COVID para o embarque não impediram muitos casos de COVID entre passageiros e tripulação dos cruzeiros e esta importante atividade turística voltou a ser suspensa no Brasil[v].


E as Finanças?

Em relação às finanças pessoais, o Banco Central do Brasil instituiu o PIX. Forma de transferir recursos entre pessoas, em tempo real, sem custos, usando apenas o aplicativo do banco , de qualquer banco, no celular. Isso fez as pessoas mais simples pagar e receber a diária da limpeza, a venda de um móvel usado, o serviço de cabelereira, manicure ou costureira, o serviço do borracheiro, mecânico, pintor ou eletricista... tudo ficou mais fácil, mais ágil e mais seguro. Naturalmente, os bancos não gostaram, afinal antes eles cobravam cada transferência bancária.


E as contas públicas? Existem vários cálculos, mas vamos nos concentrar em dois deles. A arrecadação de tributos foi maior do que as despesas; portanto, o superavit primário foi de R$ 65 bilhões, aproximadamente. O outro cálculo importante, inclui as despesas e o pagamento de juros da dívida, esse indicador, apesar de negativo em 2021, foi bem mais promissor do que em 2020. No pior ano da pandemia o déficit foi de 13,6% do PIB; em 2021, foi de apenas 4,4% do PIB[vi]. E isso aconteceu no mundo todo.


É muito número e muito percentual, você pode resumir: as contas públicas, do governo federal estão melhorando, mas é um processo lento. Isso porque o governo está gastando com vacinas, com auxílios à população mais carente, durante o auge da pandemia precisou socorrer estados, não economizou com gastos com hospitais, com o auxilio emergencial. A divida pública total aumentou, mas a retomada da atividade econômica, leva ao aumento do PIB, Produto Interno Bruto, aumento na arrecadação e portanto, as contas públicas melhoram.


Um último tópico nessa nossa tentativa de explicar o que vem sendo feito de positivo no governo federal: honestidade e inflação! Nem a mídia tradicional, nem os artistas, nem ninguém da classe falante conseguiu achar um desvio de recurso, um escândalo de dinheiro desviado no governo federal. Já em alguns governos estaduais[vii]...


E a inflação?? Voltou, voltou forte. No entanto, é fácil entender do ponto de vista macroeconômico: impediram a produção , diminuiu a oferta de bens e serviços; a oferta de dinheiro aumentou, porque foram pagos auxílios aos mais pobres; com isso, o preço aumenta[viii]. No caso brasileiro a cadeia de impostos também contribui, vide o caso da gasolina[ix] e do Diesel e as brigas entre os governos estaduais e o governo federal. Esse também é um fenômeno mundial[x]!


Você precisa entender: O governo brasileiro foi o que mais defendeu a liberdade das pessoas, socorreu os mais pobres e continuou trabalhando. E sobre esse trabalho, conversamos em próximos artigos!



[i] https://fb.watch/aJkwaA84R7/ [ii] https://www.gov.br/pt-br/noticias/transito-e-transportes/2021/12/governo-federal-fecha-2021-com-108-obras-entregues-e-39-ativos-concedidos-a-iniciativa-privada [iii] https://www.gov.br/saude/pt-br/vacinacao/ [iv] https://www.ncl.com/br/pt/cruise-faq/what-vaccines-will-be-accepted?gclid=EAIaIQobChMI07iF0LvL9QIVEASRCh2ziA01EAAYASAAEgK9EPD_BwE&gclsrc=aw.ds [v] https://www.gazetadopovo.com.br/republica/breves/anvisa-recomenda-suspensao-definitiva-cruzeiros-covid/ [vi] https://www.gov.br/pt-br/noticias/financas-impostos-e-gestao-publica/2022/02/contas-publicas-apresentam-saldo-positivo-em-2021-depois-de-oito-anos-no-vermelho-1#:~:text=O%20resultado%20de%20saldo%20positivo,R%24%207%2C91%20trilh%C3%B5es. [vii] https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/desvio-de-verba-para-a-covid-19-pode-chegar-a-r-300-milhoes-diz-cgu/ [viii] https://www.gazetadopovo.com.br/economia/por-que-inflacao-bate-recordes-nos-eua-quais-efeitos-brasil/ [ix] https://canaltech.com.br/veiculos/combustivel-mais-caro-do-mundo-o-preco-da-gasolina-em-outros-paises-201503/ [x] https://pt.globalpetrolprices.com/gasoline_prices/#hl11

21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page